Cupins (Isoptera) Invasores da Rede Elétrica em Áreas Urbanas na Região do Alto Solimões, Amazônia Ocidental, Brasil

Agno Nonato Serrão Acioli, Paulo Vitor Cassiano Oliveira

Resumo


A ordem Isoptera (Insecta), popularmente conhecida como cupim é amplamente distribuída em toda a região Amazônica, com aproximadamente 238 espécies concentradas em quatro famílias. Este é o primeiro estudo de cupins na rede elétrica urbana de pequenas cidades no interior da Amazônia e teve como objetivo realizar um levantamento das espécies e associá-las ao dano causado nos postes urbanos. O estudo foi desenvolvido durante os anos de 2008, 2009 e 2011 em áreas urbanas das cidades de Benjamin Constant, São Paulo de Olivença e Atalaia do Norte, região do Alto Solimões, Amazonas. Foram vistoriados 1.614 postes, coletadas 129 amostras e identificadas nove espécies de cupins. A família Termitidae foi a mais abundante com 96,12%, Rhinotermitidae com apenas 3,88%. O gênero Nasutitermes foi o mais frequente, seus ninhos são construídos na parte superior dos postes. A espécie Nasutitermes acangussu Bandeira & Fontes é a mais importante, causa prejuízos ao consumir a madeira dos postes e danos indiretos na fiação elétrica e acessórios de sustentação da fiação. Na parte inferior (base do poste) além da presença de galerias de Nasutitermes foi constatada a presença de galerias e ninhos de Coptotermes testaceus (Linnaeus), Heterotermes tenuis (Hagen) e Termes hispaniolae (Banks). Os postes de madeira devem ser substituídos por postes de concreto, as bases dos postes devem ser mantidas no limpo, a parte superior do poste e a fiação elétrica ao longo de toda sua extensão não devem ter contato com árvores ou objetos que favoreçam a infestação por cupins.


Termites (Isoptera) Invaders of Electrical Grid in Urban Areas of the Alto Solimões Region, Western Amazon, Brazil


Abstract. The order Isoptera (Insecta), popularly known as termite is widely distributed throughout the Amazon region, with about 238 species concentrated in four families. This is the first study with termite in electrical grid in a small city in the interior of Amazon and aimed to perform a survey of the specie and relate them to the damage caused in the urban poles. The study was conducted during the years 2008, 2009 and 2011 in urban areas Benjamin Constant, São Paulo de Olivença and Atalaia do Norte cities, Alto Solimões region, Amazon. Were inspected 1,614 poles, 129 samples were collected and identified nine species of termite. The family Termitidae was the most abundant with 96.12%, Rhinotermitidae with only 3.88%. The genus Nasutitermes was the most frequent their nests are built on top of poles. The Nasutitermes acangussu Bandeira & Fontes was the most important because cause damage by eating the wood of the poles and causes indirect damages to electrical wiring and the support accessories. On the bottom (base of the poles) besides the presence of galleries of Nasutitermes was verified the presence of galleries and nests of Coptotermes testaceus (Linnaeus), Heterotermes tenuis (Hagen) e Termes hispaniolae (Banks). The wooden poles must be replaced by concrete poles, the bases of the poles must be kept clean, the top of the poles and electrical wirings along all the extension must not be in contact with trees or objects that favor termite infestation.


Palavras-chave


Amazonas; Danos térmitas; Postes; Pragas urbanas; Amazon; Posts; Termite damage; Urban pests

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais



|    Licença de Uso    |     Normas para publicação (PDF)   |    Projeto do Periódico   |   Política de Privacidade    |    Currículo Lattes (Busca)    |   Scielo     |     Títulos de Periódicos ligados à Entomologia e suas Abreviações     |      Ortografa!

Indexadores:

Latindex   |   SEER/IBICT     |    Dialnet     |    Agrobase - Literatura Agrícola     |   Sumários de Revistas Brasileiras     |     DOAJ     |    CABI Abstracts     |    LivRe!       |   RCAAP   |    Diadorim    |    Electronic Journals Library   | Eletronic Journals Index  |   Fonte Acadêmica - EBSCO  |   ZooBank    |   Zoological Records    |   Agro Unitau    |    BASE (Bielfield Academic Search Engine)     

Outras fontes:

   WorldCat    |     Mendeley     |     Google Acadêmico    |    Qualis CAPES 

Copyright © 2008-2018, Entomologistas do Brasil

As opiniões técnico/científicas e mesmo pessoais, constantes nos artigos e comunicações científicas publicados no EntomoBrasilis são de inteira responsabilidade de seus respectivos autores.

 

EntomoBrasilis. ISSN Online 1983-0572 - Prefixo doi: 10.12741

 

 Site hospedado gratuitamente no HostingZone

Fazemos parte da ABEC (Associação Brasileira de Editores Científicos)

Filiado ao Portal de Periódicos CAPES

Apoio