Eficiência e Persistência de Três Produtos Comerciais à Base de Bacillus thuringiensis israelensis e Bacillus sphaericus no controle de Culicidae (Diptera) em Lagoas de Tratamento de Efluentes

Jose Lopes, Fernando Pereira dos Santos, João Antonio Cyrino Zequi, Denise Miguel Petroni

Resumo


Resumo. A ação hematofágica exercida por fêmeas de algumas espécies de Culicidae sobre o homem e outros animais pode estar diretamente relacionada à transmissão de patógenos, além de provocar reações alérgicas e causar incômodo. O aparecimento de populações resistentes aos inseticidas químicos impulsiona o uso de métodos de controle alternativos, principalmente o biológico. Objetivando testar a eficiência e persistência de produtos comerciais com principio ativo a base de Bacillus thuringiensis israelensis Berliner e Bacillus sphaericus Neide foram realizados experimentos em três lagoas de tratamento de efluentes, sobre larvas de Culicidae. Testou-se Vectolex (formulação granulada de B. sphaericus), Sphaericus (Formulação líquida de B. sphaericus) e Bt-horus (formulação líquida de B. thuringiensis). As aplicações foram realizadas quinzenalmente com avaliações realizadas a 0, 24, 48, 72 e 120 horas após a aplicação. As lagoas estavam colonizadas por Culex nigripalpus Theobald (1,5%), Culex saltanensis Dyar (2,25%) e Culex quinquefasciatus Say (96,25%). Com o produto Bt horus, registrou-se redução larval de 89,06%, 83,97% e 89,96% respectivamente a 24, 48 e 72 horas após a aplicação. Nos produtos contendo B. sphaericus, respectivamente na formulação granulada e líquida observou-se uma redução de 98,89 % e 98,34%, após 24 horas da aplicação e de 99,79% e 99,78% após 48 horas. Os produtos e as diferentes formulações foram eficientes no controle de larvas das três espécies de culicídeos em lagoas com grande quantidade de matéria orgânica, porém a persistência verificada foi de dois e três dias para produtos contendo respectivamente B. sphaericus e B. thuringiensis israelensis.


Efficiency and Persistence of Three Commercial Products Based on Bacillus thuringiensis israelensis and Bacillus sphaericus in Controlling Culicidae (Diptera) in Effluent Treatment Lagoons


Abstract. The hematofagic effect caused by females belonging to some species of Culicidae on humans and animals can be directly related to pathogen transmission, allergic reactions and uneasiness. The emergence of populations resistant to chemical insecticides has fostered the use of alternative methods, mainly biological control. The trials were conducted in three effluent treatment lagoons, on larvae of Culicidae to test the efficiency and persistence of commercial products whose active principles are based on Bacillus thuringiensis israelensis Berliner and Bacillus sphaericus Neide. The products tested were Vectolex (a granulated formulation of B. sphaericus), Sphaericus (a liquid formulation of B. sphaericus) and Bt-horus (a liquid formulation of B. thuringiensis). The products were applied biweekly and evaluations were conducted 0, 24, 48, 72, and 120 hours after each application. The lagoons were colonized by Culex nigripalpus Theobald (1.5%), Culex saltanensis Dyar (2.25%), and Culex quinquefasciatus Say (96.25%). Bt-horus reduced larvae by 89.06%, 83.97% and 89.96% at 24, 48 and 72 hours after product application, respectively. The granulated and the liquid formulations containing B. sphaericus reduced larvae by 98.89 % and 98.34% 24 hours after application, and by 99.79% and 99.78% after 48 hours, respectively. The products and the different formulations were effective in controlling larvae of all three Culicidae species in lagoons with high levels of organic matter, but the persistence was recorded in two and three days for products containing respectively B. sphaericus and B. thuringiensis israelensis.


Palavras-chave


Culex; Controle biológico; Água poluída; Biological control; Polluted water

Texto completo:

PDF PDF Corrigido (2011)

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais



|    Licença de Uso    |     Normas para publicação (PDF)   |    Projeto do Periódico   |   Política de Privacidade    |    Currículo Lattes (Busca)    |   Scielo     |     Títulos de Periódicos ligados à Entomologia e suas Abreviações     |      Ortografa!

Indexadores:

Latindex   |   SEER/IBICT     |    Dialnet     |    Agrobase - Literatura Agrícola     |   Sumários de Revistas Brasileiras     |     DOAJ     |    CABI Abstracts     |    LivRe!       |   RCAAP   |    Diadorim    |    Electronic Journals Library   | Eletronic Journals Index  |   Fonte Acadêmica - EBSCO  |   ZooBank    |   Zoological Records    |   Agro Unitau    |    BASE (Bielfield Academic Search Engine)     

Outras fontes:

   WorldCat    |     Mendeley     |     Google Acadêmico    |    Qualis CAPES 

Copyright © 2008-2018, Entomologistas do Brasil

As opiniões técnico/científicas e mesmo pessoais, constantes nos artigos e comunicações científicas publicados no EntomoBrasilis são de inteira responsabilidade de seus respectivos autores.

 

EntomoBrasilis. ISSN Online 1983-0572 - Prefixo doi: 10.12741

 

 Site hospedado gratuitamente no HostingZone

Fazemos parte da ABEC (Associação Brasileira de Editores Científicos)

Filiado ao Portal de Periódicos CAPES

Apoio